Cart

Best Seller

Nascer é Um Incêndio ao Contrário

5.00 out of 5 based on 1 customer rating
1 classificação Adicione sua classificação
Disponibilidade: Em estoque

Algumas palavras antes das deste livro. Para dizer que  origem delas é anterior ao momento em que foram escritas, e, mais, que o próprio livro provém dos tempos em que o Cosmos ainda era mudo de nós, homens. Quais? Se a peregrinação celeste do Caos Originário foi uma busca da forma pelo Informe, a que os homens deram a Forma da Cultura – o Caos virtual, agora, faz o percurso inverso de retorno da Forma ao informe. devemos entender isso como a vida em movimento de Eterno Retono a sua liberdade inicial? Joyce pressentiu essa pulsão em sua estilhaçada escritura de fractais. Borges em sua estonteada escritura de espelhos. Beckett em sua silenciosa escritura de murmúrios. E Kafka, antes – e mais profundamente que todos, quando soprou a areia de que é feita a Forma do Castelo em sua abissal escritura de miragens. Como o Angelus Novus de Klee, citado no livro – que segundo Walter Benjamin avança para o Futuro perseguido pelo Passado, Ariel colhe as enterradas, soterradas e desterradas ideias e imagens à deriva no oceano que fragmentou a vida moderna:  rede interna. Devemos aguardar por um novo Parmênides que nos desvele o secreto uno desse Caos? Enquanto isso, sua travessia é permitida ao homo Ludens sonhado por Johan huizinga, de braços dados com dada, através de vasos comunicantes em que, ao virar uma página, Shakespeare pode estar interrompendo seu monólogo do Ser ou não ser para ouvir, vindo da página ao lado, uma voz cantando o hino nacional Brasileiro em tupi: Embeyba Ypiranga sui, pitúua. Mas esse livro caoscosmos extremamente urgente  evoca as incertezas sobre a materialidade ou imaterialidade do livro por vir anunciado por Blanchot. E sugere a dissolução do impasse em sua urobórica circularidade verbovicovirtual.  

Vicente Franz Cecim 

Outono 2020

ISBN: 978-65-80103-93-5

288 pág.

 

O produto não está disponível no seu país.

REF: 9786580103935 Categorias: , ,

Marcelo Ariel

Marcelo Ariel, 1968-Santos-SP é poeta, crítico e performer. Autor de ME ENTERREM COM A MINHA AR 15 ( Dulcineia Catadora, 2003), TRATADO DOS ANJOS AFOGADOS ( Letra Selvagem, 2007) entre outros. Seu livro mais recente OU O SILÊNCIO CONTÍNUO -POESIA REUNIDA 2007-2019 lançado pela Kotter em 2019 contém trinta anos de sua produção poética. Atuou como ator-roteirista no filme PÁSSARO TRANSPARENTE de Dellani Lima e gravou o disco de spoken word SCHERZO RAJADA CONTRA O NAZISMO PSÍQUICO em 2012. Atualmente coordena cursos de criação literária em São Paulo. 

Peso 395 g
Dimensões 15 × 21 cm

1 avaliação para Nascer é Um Incêndio ao Contrário

  1. 5 de 5

    Raul

    Marcelo Ariel é nome gigante da poesia brasileira contemporânea!

Adicionar uma avaliação

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carregando...