Cart

No Passo da Garota, Caiu no Samba, a Crônica (Fabio Santiago)

Há que se dizer, é na cadência do samba, que um bom remelexo, entortando as pernas do marcador do eterno camisa sete, nosso Garrincha, dribla, de lá para cá, fazendo a torcida vibrar.

A moça requebrando as cadeiras nas calçadas, no pagode, no boteco, esbanjando seus passos, fazendo girar o pescoço de quem a observa, gingando, mexendo, com direito a toalha do camisa treze nas costas.

Embalado por bambas, no jukebox que alimenta os meus pensamentos, vou dos afrosambas do Badeco e Vininha, passando por Beth Carvalho, Martinho da Vila e o pagode do Zeca… Pixinguinha, Noel Rosa, Cartola e Ataulfo Alves cantaram todas as minhas tristezas de amor.

Vamos combinar, que só sambando para aguentar estes dias de hoje, né não?

Quem não gosta de samba bom sujeito não é!

Sambando, faço a crônica de cada dia.

A menina dança, não há quem não se renda, “esse seu umbiguinho, me deixa em desalinho”, quer me entorpecer, entorta a bola, o corpo, a banda, o texto, a cabeça, entorta o compasso e com samba, Mané dribla o time inteiro e faz troça. Com as pernas tortas, chuta a redonda e marca o gol, enquanto a garota estremece as carnes, ginga, ginga, dança, Elza Soares solta a voz e no gramado, o anjo das pernas tortas, tira o beque para dançar, no ritmo do samba, rebolado da moça, embola o campo de quem não pode azarar!

Bambo e com passo redondo, da caipirinha e cerveja gelada, gingo as palavras, nos terreiros do samba, no fundo de quintal, na Gamboa, Marques de Sapucaí, Sambódromo, onde quer que for, faço samba e também meu carnaval.

Quem não se entrega ao batuque do samba?

Se nas palavras pulo, batuco, canto meu samba de roda, samba canção, samba, sambo, brincante para a primavera que voltará, trazendo a alegria e chamando os passistas para sambar.

“Samba Makossa, é da pesada!”

A garota dança, mexe, remexe e esculacha com os corações desavisados, samba no pé, salva o dia de uma nação, enquanto rebola, com a tolha nas costas, faz a alegria das massas, no coração do Brasil.

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Carregando...