O Libertador de Gaia – O Universo de Teogonia de Gaia (2)

Por Aristides Lloyd Garrison

Uma conversa sobre a Paz no Universo de Gaia

Um dos aspectos do Universo da Teogonia de Gaia engloba as divindades de origem pagã ou religiosa. Há várias leituras distintas dentro da diversidade deste mundo que localizam-se dentro da realidade mitológica ou pela realidade de seu mundo.

O que quero abordar neste pequeno ensaio é a utopia através dos Insulares, tema que penso ser uma das esperanças depositadas na realidade em que vivo, e gostaria que fizesse parte da vida em sua Terra.

Em Gaya, os grandes Blocos Continentais possuem divindades próprias: a Normandia e a América, possuem religiosidades oriundas da mitologia nórdica e grega respectivamente. Já os insulares centralizam-se pela união das religiões monoteístas de sua realidade, ou seja, da união dos hebreus, árabes, seguidores de Jesus somado aos budistas e hindus.

Por volta de 2.100 D.E.G. em Gaya, os patriarcas insulares decidiram pela paz e se isolaram dos grandes Blocos, regidos por várias divindades, entre elas aos deuses da guerra. Eles consideram que sua Divindade única reserva a paz como um de seus principais valores, juntamente com a justiça, comunhão, iluminação e conhecimento.

Unidos eles formaram sua civilização e. ao se reconhecerem como diferentes, formaram sua determinação de permanecerem diversos entre semelhantes, por mais difícil que possa se compreender e estranhar.

Assim, os denominados Superiores, por sua conduta ética e moral ilibada, o padre Július, a Juíza Shirin, Sobel Ginsburg, Anand Louis Saburo possuem a autoridade para condução de cada unidade religiosa que os compõe, mas vão além, e elegem um consolador. Uma autoridade de semelhante amor humanitário para corrigir as divergências e mantendo o rumo que desejam. Destaco o atual Madiba e o seu antecessor, Ganddhi.

Espero que em seu universo, o exemplo de seus similares também possa ajudar para que abandonem os deuses da guerra e suas exigências e consequências. Então percebam o que os Insulares de Gaya pregam: que o melhor meio de viver é em nome da Paz!!!!

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carregando...