Search

JOSÉ GENOINO: UMA VIDA ENTREVISTA

PRÉ-LANÇAMENTO

disponível a partir da primeira quinzena de junho

***

José Genoino, emblema de resistência e coragem, trilhou um caminho de combate tenaz, enfrentando adversidades desde jovem. Mergulhado em desafios, sob a seca de 1958, experimentou a aspereza da fome, sustentando sua família na inóspita terra nordestina. Essa vivência moldou nele uma resiliência e consciência social, definindo seu destino.

Impelido pelo anseio de transformação e pela força materna, José iniciou sua jornada educacional, distanciando-se do sertão até os bancos escolares de Senador Pompeu. Influenciado pelo padre Salmito, vivenciou um despertar intelectual e político, enveredando pelo ativismo social. Ali, conheceu figuras como Frei Betto e Frei Tito, expandindo sua visão e compromisso com a justiça social.

Sua mudança para Fortaleza marcou um momento decisivo. Confrontado com a escolha entre academia ou política, Genoino imergiu na política vibrante da capital, aliando-se ao Partido Comunista do Brasil (PCdoB). Essa decisão aprofundou seu envolvimento com movimentos estudantis e ações políticas, consolidando sua posição como defensor da liberdade e igualdade.

A repressão do regime militar e o AI-5 impulsionaram Genoino à clandestinidade, vivendo sob identidade falsa e evitando perseguições. Esse período marcou o início de sua intensa luta contra a opressão do regime autoritário, que perdurou nos anos 1970.

***

José Genoino: Uma Vida Entrevista

Salvio Kotter/ Nicodemos Sena

ISBN LETRA SELVAGEM: em breve

ISBN KOTTER EDITORIAL: em breve

Total de páginas: em breve

Formato: em breve

R$ 89,70 R$ 44,85

O Percurso de José Genoino: Da Raiz à Resistência

O Alvorecer da Luta

José Genoino, símbolo da resistência e da coragem, traçou um caminho de luta inabalável, enfrentando adversidades desde cedo. Mergulhado em desafios, sob a seca implacável de 1958, ele conheceu a aspereza da fome, carregando a responsabilidade de sustentar sua família na árida terra do Nordeste. Essa experiência forjou em Genoino uma resiliência e uma consciência social que definiram seu destino.

Caminhos da Educação e Despertar Político

Com a mente aguçada pelo desejo de mudança, José, impulsionado pela determinação materna, embarcou em uma jornada educacional que o distanciou da terra árida para os bancos escolares de Senador Pompeu. Sob a tutela do padre Salmito, vivenciou um despertar intelectual e político, enveredando pelos caminhos do ativismo social, onde encontrou figuras emblemáticas como Frei Betto e Frei Tito, ampliando sua visão e seu compromisso com a justiça social.

Fortaleza: O Palco da Definição

A migração para Fortaleza representou um ponto de inflexão na vida de Genoino. Entre os dilemas de seguir uma carreira acadêmica ou enveredar pela política, ele optou por imergir na efervescência política da capital, fortalecendo sua aliança com o Partido Comunista do Brasil (PCdoB). A escolha culminou em um envolvimento cada vez mais profundo com movimentos estudantis e atividades políticas, solidificando sua trajetória como um defensor da liberdade e da igualdade.

Rumo à Clandestinidade

O endurecimento do regime militar e a promulgação do AI-5 empurraram Genoino para a clandestinidade, forçando-o a adotar uma nova identidade e a viver na sombra, sempre um passo à frente dos perseguidores. Essa fase da vida marcou o início de um período de intensa luta e resistência contra a opressão do regime autoritário, que se estendeu pela década de 1970.