Popular Best Essay Proofreading Service For College Essay On The History Of The Doggeria Esl Creative Essay Writing Website Uk How To Score Sat Essays Popular School Essay Ghostwriting For Hire For School Essay On If I Would Become A Head Boy Of My School

Cart

Outros Junhos Virão – Mário Messagi Júnior

0 out of 5 based on 0 customer ratings
0 classificações Adicione sua classificação
Disponibilidade: Em estoque

R$ 59,70 R$ 41,79

Disponível por encomenda

wws Suporte / Perguntas de pré-venda Preciso de ajuda? Fale conosco via WhatsApp
Quantidade :

Os protestos de junho de 2013 mudaram a história da redemocratização brasileira. Ali, aos gritos de milhões de jovens, inaugurava-se uma nova fase política: o Brasil se tornava uma democracia radicalizada. 

A disputa de narrativa sobre junho, ainda hoje, quer atribuir sentidos, atribuir conteúdos: “junho foi contra a corrupção”, “junho foi fascista”, “junho foi a negação do presidencialismo de coalizão”, “junho foi o resultado de uma crise profunda no capitalismo”. Todas estão certas; e nenhuma está. 

Democracias radicalizadas não se caracterizam por um conteúdo específico, por uma direção em si, mas por uma lógica nova de conflito político, mais emocional, mais de gritos e menos de consensos. A política fica mais parecida com o Facebook; e o Facebook fica mais carregado de haters lovers. O amar ou odiar: a intensidade adolescente invade a política. Ainda que não praticada exatamente por adolescente. 

Nestes momentos, o sistema político tem que atuar no sentido contrário, buscando criar mais espaços de construção de consensos, oferecendo às democracias radicalizadas a radicalização da democracia. 

Não foi o que fizeram no Brasil. Dilma sinalizou com abertura política, mas o Congresso rechaçou este caminho e fechou o sistema político, ofereceu poucas alternativas aos eleitores, reduziu o tempo de campanha, acabou com as doações de empresas e colocou um grande volume de recursos públicos nas mãos dos partidos, para que destinassem o fundo eleitoral para um projeto comum: reeleger quem já estava no poder. 

A estratégia falhou, em parte. Houve a maior renovação no Congresso Nacional desde a constituinte de 1988, a extrema direita cresceu sensivelmente, ocupando boa parte do espaço da direita, um hater profissional assumiu a Presidência. E é certo e líquido que outros junho virão, que a radicalidade não diminuiu. 

Entender o que aconteceu, para além das disputas narrativas, ainda é um trabalho a ser feito. Este livro é uma das mais valiosas contribuições para isso, desde 2013. 

 

 Inverno 2019

ISBN: 978-65-80103-37-9

148 pág.

 

Acesse nosso canal no Youtube: Kotter Tv

Disponível por encomenda

wws Suporte / Perguntas de pré-venda Preciso de ajuda? Fale conosco via WhatsApp
Quantidade :

Outros Junhos Virão 

Junho de 2013 mudou o Brasil. Os protestos massivos que abalaram o país surgiram sem explicação aparente, cresceram e se diluíram, arrastando para uma encruzilhada a democracia brasileira. Este livro é um esforço para explicar, com dados empíricos coletados em pesquisa com jovens de 15 a 29 anos de Curitiba, o que aconteceu, de compreender as mudanças em curso nas formas de participação política e a emergência das democracias radicalizadas. No futuro que o presente constrói hoje estão abertas as portas de um passado obscurantista. Esta obra oferece pistas valiosas de como não pisar neste caminho. . 

Mário Messagi Júnior

 

Mário Messagi Júnior é jornalista e professor de Comunicação da Universidade Federal do Paraná há vinte anos. Mestre em Linguística, pela UFPR, e doutor em Ciências da Comunicação, pela Unisinos, coordena o grupo de pesquisa Comunicação e Democracia e é membro do grupo Comunicação Eleitoral (CEL). É autor do livro Teoria da Comunicação: aplicações contemporâneas. Foi presidente do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Paraná e, desde então, mantém um foco muito claro em projetos de pesquisa que tenham implicações práticas para a atividade jornalística, a política e a democracia no Brasil. 

Chefiou a assessoria de comunicação social da UFPR de 2009 a 2011 e foi coordenador geral de comunicação de duas campanhas para a reitoria da Universidade e de uma campanha para o Governo do Paraná, entre 2012 e 2018, sempre com resultados finais acima das expectativas iniciais. Exerceu diversos outros cargos, como chefe de departamento (4 anos) e coordenador de curso (2 anos). Tem uma vasta produção acadêmica nas áreas de teoria do jornalismo e ética, ensino de jornalismo, teoria da comunicação e política e democracia. 

Peso 265 g
Dimensões 16 × 1,0 × 23 cm

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Outros Junhos Virão – Mário Messagi Júnior”

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Carregando...
WeCreativez WhatsApp Support
Nossa equipe de suporte ao cliente está aqui para responder às suas perguntas. Pergunte-nos qualquer coisa!
👋 Oi em que posso ajudar?