Search

PARA ONDE VAI A ESQUERDA?

PRÉ-LANÇAMENTO

disponível a partir do mês de maio

***

A Esquerda Frente à Crise Neoliberal: Um Caminho a Seguir

Desafiando a Crise Neoliberal: O Impasse da Esquerda

Diante da “crise da hegemonia neoliberal e o desafio da esquerda”, este estudo se debruça sobre um dilema contemporâneo crucial. A ascensão da extrema-direita no cenário global não apenas revela, mas também intensifica as contradições enfrentadas pela esquerda. Este cenário paradoxal coloca a esquerda em um impasse: associada tanto ao neoliberalismo em crise quanto aos valores de globalização e democracia liberal que promove, parece sustentar o próprio sistema que a extrema-direita critica.

Navegando pela Tormenta Política: A Esquerda e o Descontentamento Popular

A esquerda se encontra em uma encruzilhada, buscando formular respostas ao populismo de direita que capitaliza o descontentamento popular. Questões como a individualização exacerbada, estagnação econômica e erosão dos direitos sociais são os combustíveis que alimentam a narrativa da extrema-direita. Em contraponto, a esquerda luta para redefinir sua postura sem perder seus valores fundamentais, enfrentando o desafio de refutar o discurso que ameaça a democracia liberal e os avanços progressistas.

A Renovação da Esquerda: Estratégias Contra a Extrema-Direita

O cerne deste estudo é desvendar os caminhos para a esquerda superar a atual crise de identidade e eficácia. A revigoração da esquerda requer uma reflexão crítica e uma adaptação estratégica às novas dinâmicas políticas e sociais. Ao reimaginar suas estratégias e articulando uma visão unificada, a esquerda pode tanto reconquistar o apoio popular quanto se posicionar firmemente contra a retórica da extrema-direita.

***

Título: PARA ONDE VAI A ESQUERDA?

 CRISE DA DEMOCRACIA-LIBERAL, PÓS-NEOLIBERALISMO E NOVOS GOVERNOS PROGRESSISTAS NA AMÉRICA LATINA

 Autor: FERNANDO MARCELINO PEREIRA

Páginas: em breve

ISBN: em breve

Formato: em breve

R$ 49,70 R$ 24,85

A Crise Neoliberal e o Desafio da Esquerda: Uma Análise Crítica

Neste estudo, abordamos a “crise da hegemonia neoliberal e o desafio da esquerda”, destacando o fortalecimento da extrema-direita no cenário político ocidental. A esquerda, atualmente enredada em uma série de contradições, enfrenta uma desorientação significativa diante desta nova conjuntura política. Por um lado, é associada ao sistema neoliberal em crise; por outro, aos valores que promulga, como a globalização e a democracia liberal. Esta confusão gera a percepção equivocada de que a esquerda sustenta um sistema em colapso, paradoxalmente fortalecendo a extrema-direita.

O Dilema da Esquerda na Conjuntura Política Atual

A esquerda se vê diante do enorme desafio de articular respostas eficazes aos movimentos populistas de direita, que têm monopolizado o descontentamento popular. Esses movimentos apelam para o descontentamento gerado por questões como a individualização excessiva da sociedade, estagnação econômica e a perda de direitos sociais. Em contraste, a extrema-direita canaliza esse ressentimento para viabilizar uma ruptura com o status quo, erodindo a democracia liberal e a cultura progressista no processo.

A Revigoração da Esquerda: Enfrentando a Extrema-Direita

A questão central que este opúsculo busca responder é: diante da crise da hegemonia neoliberal, que rumo a esquerda deverá tomar? Surge, assim, o desafio de como a esquerda poderá se transformar para enfrentar o avanço da extrema-direita, superar os problemas vigentes e, metaforicamente como uma Fênix, ressurgir renovada das cinzas. Examinar estratégias para a revigoração da esquerda em face dessas dramáticas transformações constitui o cerne da nossa análise.

O estudo aponta que a revitalização da esquerda exige uma profunda reflexão e adaptação às novas realidades políticas e sociais. A redefinição de estratégias e a articulação de uma visão coesa e atraente são fundamentais para reconquistar o apoio popular e contrapor-se efetivamente ao discurso da extrema-direita.

 

 

SOBRE O AUTOR

Nasceu em Curitiba (1987). Pós-doutorando em Política Públicas e Planejamento Urbano, doutor em Sociologia, mestre em Ciência Política e graduado em Relações Internacionais. Militante do Movimento Popular por Moradia (MPM). Integrante do Mimesis Conexões Artísticas.

Autor dos livros: Classes Dominantes no Paraná Contemporâneo: Família, Poder e Riqueza, COVID-19 e a nova geopolítica global, Marx no século XXI: valor, crise e capitalismo financeiro, Guerra Civil Brasileira: 1891-1894, Em Defesa do Projetamento: Ignácio Rangel e os desafios brasileiros, Geopolítica Hídrica Global, Estratégias de Desenvolvimento no Sul Global, Introdução ao Planejamento na China, China: novos ensaios, Do Terceiro Mundo à emergência do Sul Global e A Revolução das Cidades Inteligentes na China. Na literatura, autor de Desencontros e seus golpes (poesia), Profeta Joel no fim dos tempos (teatro), Revolta Paraná (conto), 93 Haikais (poesia) e Última hora (poesia), os três últimos pela Kotter Editorial.