Search

Texto interessante da jurista Kenarik Boujikian sobre o caso chamado pela imprensa de Nagorno-Karabah:

 

5. PONTOS-CHAVE PARA ENTENDER A LUTA ARMÊNIA EM #ARTSAKH:

1. Somos um povo com uma história de luta contra perseguição e extermínio. Fomos vítimas de um genocídio no Império Turco-Otomano,  em 1915. Ao longo do século vinte lutamos para nos reerguer na diáspora, e também para nos estabelecer em uma pequena porção do território em que historicamente vivíamos, que é a Armênia atual.

2. Entre as porções que sempre habitamos, mas que hoje estão fora de nossas fronteiras, está Artsakh (a imprensa chama de Nagorno-Karabakh). Artsakh, que é uma região historicamente populada por armênios, que foi “doada” ao Azerbaijão nos anos 1920. Foi um ato arbitrário de Stalin.

3. Nos anos 90, após a queda da URSS, a população de maioria armênia fez um referendo em Artsakh, pedindo a independência do território em relação ao Azerbaijão. A escolha pela independência foi esmagadora (mais de 90%), mas o resultado nunca foi reconhecido. Ali iniciou-se uma guerra entre Armênia e Azerbaijão, que deixou em torno de 30 mil mortos e acabou com um cessar-fogo em 94.

4. Desde então, a questão de Artsakh nunca foi resolvida, e a região continua oficialmente como parte de Azerbaijão, apesar de 99% dos seus habitantes serem armênios e de ser autogerida. As agressões do Azerbaijão foram reiniciadas este ano. Querem anexar de vez o território, e geram um risco real de limpeza étnica contra a população local. A Armênia é um país pequeno, com poucos recursos para apoiar seus compatriotas, enquanto Azerbaijão usa dinheiro advindo do petróleo e o apoio de Israel e Turquia para seguir os ataques.

5. Os armênios de Artsakh e do mundo todo querem a paz e o direito de viver em segurança em suas terras. Se você é a favor do direito a autodeterminação dos povos, posicione-se a favor de nossa luta”

 

Pedro Carrano é o responsável pelo Boletim de Notícias da Kotter. Pedro nasceu em São Paulo (SP), em 1980. Jornalista, militante político e pai da Clara. Tem livros de reportagem e poesia. “Meninos sem Matilha” é seu segundo volume de contos.

Imagem, Fonte: PT Brasil

Revisão: Daniel Osiecki

 

24 respostas

  1. Attractive section of content. I just stumbled upon your
    site and in accession capital to assert that I acquire in fact enjoyed account your blog posts.
    Any way I will be subscribing to your augment and even I achievement you access consistently quickly.
    I saw similar here: Najlepszy sklep

  2. Hey there! Do you know if they make any plugins
    to help with SEO? I’m trying to get my blog to rank for some targeted keywords
    but I’m not seeing very good results. If you know of any please share.
    Appreciate it! You can read similar blog here: Dobry sklep

  3. Hi! Do you know if they make any plugins to
    help with Search Engine Optimization? I’m trying to get my blog to rank for
    some targeted keywords but I’m not seeing very good
    gains. If you know of any please share. Thank you!
    You can read similar article here: Sklep internetowy

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *