Cart

Posses e retornos carregados de simbolismo na Bolívia – 9 de novembro de 2020

por Pedro Carrano

 

Posses simbólicas.

Exatamente um ano depois do golpe de Estado na Bolívia – golpe que, ao contrário do que se reporta na mídia, não foi resultado somente de ‘protestos violentos’, mas um profundo golpe de extrema direita, o ex-presidente Evo Morales atravessa a fronteira entre Bolívia e Argentina, país onde estava exilado, ao lado do presidente Fernández.

No mesmo contexto, na embaixada venezuelana na Bolívia, o retrato de um inexistente Guidó é trocado pelo quadro de Simón Bolívar.

 

Pedro Carrano é o responsável pelo Boletim de Notícias da Kotter. Pedro nasceu em São Paulo (SP), em 1980. Jornalista, militante político e pai da Clara. Tem livros de reportagem e poesia. “Meninos sem Matilha” é seu segundo volume de contos.

Imagem, Fonte: Sputik Brasil

Revisão: Daniel Osiecki

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Carregando...
WeCreativez WhatsApp Support
Nossa equipe de suporte ao cliente está aqui para responder às suas perguntas. Pergunte-nos qualquer coisa!
👋 Oi em que posso ajudar?